Remadores do Botafogo dominam Seletiva Nacional

Final do Dois Sem na Seletiva Nacional (Foto: Rozilene Xavier)

Finais da Seletiva movimentaram raia da USP
(Foto: Rozilene Xavier)

Foi um domingo com ar carioca na raia da USP, em São Paulo. Com três vitórias em quatro provas, os remadores do Botafogo dominaram as finais da Seletiva Nacional, em busca de vagas na Seleção Brasileira para a temporada 2014. Uncas Tales, de 17 anos, e Guilherme Gomes, de 19, ganharam no Single Skiff Masculino Júnior (1xMJR) e aberto (1xM), respectivamente, e Anderson Nocetti, de 39, venceu no Dois Sem Masculino (2-M) ao lado de Ricardo Bruggmann-Muhle (sem clube).

A hegemonia alvinegra foi quebrada no Single Skiff Feminino (1xF) por Vanessa Cozzi (29), do Paulistano, que superou a paraense Naiara Furtado (20), do Paysandu, e Vitória Blanes (18), também do Paulistano. O quarto lugar de Sophia Py (17) foi o melhor resultado do Flamengo nas Finais A, enquanto Andressa Oliveira e Gabrielle dos Santos venceram o duelo botafoguense no Dois Sem Feminino (2-F).

“A competição teve um excelente nível, com destaque para os jovens atletas. Isso nos dá um parecer de renovação do grupo, a possibilidade de formar uma grande equipe de destaque”, avaliou o técnico da Seleção Brasileira, Júlio Soares.  “Nosso primeiro compromisso são os Jogos Sul-Americanos, já em março, no Chile, mas nossa principal meta na Seletiva é aumentar o grupo, para formar uma boa equipe nacional”, explicou.

A mudança de vento piorou os tempos no último dia, em média 30s mais lentos do que na véspera. Atual campeão brasileiro Júnior, Sub-23 e Sub-23 Peso-Leve, Uncas venceu todas as baterias que disputou na Seletiva e fez seu melhor tempo no sábado, com 7m12s41. Na Final A, ganhou em 7m36s76, 12s à frente de David Souza, do União, de Porto Alegre (RS).

Companheiro de Uncas no Botafogo e no Sul-Americano passado, quando foram ouro no Double Skiff Júniorico-camera3, Guilherme Gomes, venceu a Final A em 7m42s00, superando Steve Hiestand (26), do Loureiro, que na véspera ganhara a Semifinal 2 em 7m10s87. Vencedor da outra semifinal em 7m10s42, Evaldo Morais, do União, ficou em sexto na última prova.

A variação não prejudica a avaliação da Comissão Técnica, que considera o percentual alcançado pelos barcos comparativamente aos tempos de referência, a diferença de tempo entre os barcos na mesma bateria, e a categoria dos atletas e suas colocações dentro da mesma bateria.

“No sábado as peças já começaram a se definir. Nós temos a incumbência de pré-selecionar cerca de 50 atletas, e dessa lista provisória é que vamos escolher quem vai integrar a Seleção de Remo”, explicou Júlio Soares, antes das finais. “Observamos uma evolução muito boa do grupo de atletas de Peso-Leve, que fizeram excelentes provas (no sábado), e novas formações no grupo de peso pesado”, avaliou o técnico da Seleção.

A CBR pretende divulgar esta semana a lista de pré-selecionados e convocados para juntarem-se aos 12 atletas convocados em novembro, com base na Seletiva do ano passado.

Resultados de todas as provas da Seletiva Nacional

Fonte: Confederação Brasileira de Remo
© Remo em Voga ®
Anúncios

Sobre remoemvoga

Notícias e vídeos sobre o remo brasileiro e competições internacionais
Esse post foi publicado em Remo Nacional e marcado , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s