Seletiva abre com vento e obras na futura raia olímpica

Barcos convivem com obras na futura raia olímpica (Foto: Remo em Voga)

Barcos convivem com obras na futura raia olímpica
(Foto: Remo em Voga)

O primeiro dia da Seletiva Nacional para formação da equipe brasileira de remo em 2015 mostrou uma obra em progresso. Ao som de britadeiras trabalhando no estacionamento sobre a sede da CBR, em preparação para os Jogos Rio 2016, 114 atletas disputaram 19 eliminatórias na manhã desta quarta-feira, sob o olhar dos técnicos Julio Soares e Marcos Amorim. As provas continuam nesta quinta, com eliminatórias de Júnior e repescagens e quartas de final de Sênior, no Masculino e no Feminino, a partir das 8h, na Lagoa Rodrigo de Freitas, no Rio de Janeiro.

Apesar de lamentar o vento, que deixou a água mexida e dificultou o alinhamento para a largada em algumas provas, Julio Soares exaltou a realização da Seletiva. “O importante é que temos um processo em andamento, e que vai sendo aperfeiçoado a cada ano. Agora as pessoas sabem que o caminho para chegar à Seleção passa pelos testes de remoergômetro (SNAR) e pela Seletiva, é um processo claro e transparente, que valoriza quem chega na frente”, diz Júlio.

As primeiras baterias garantiram passagem direta às semifinais aos vencedores das provas no Single Skiff Masculino Júnior – Neemias Aguiar, do Flamengo; Anderson Vecchia, do União (RS); e Carlos Alberto Santos e Lucas Verthein, do Botafogo – e no Single Skiff Feminino – Nayara Pena, do Flamengo, Kissya Cataldo, do União, e Fabiana Beltrame e Yanka Britto, do Vasco.

Também avançaram às semifinais o primeiro e o segundo nas três baterias do Dois Sem Masculino, vencidas por Guilherme Gomes/Daivid de Souza (Botafogo), Allan Bitencourt/Leandro Tozzo (Flamengo) e Victor Pereira/Vinícius Delazeri (União). As repescagens acontecem nesta quinta-feira, a partir de 10h10.

No Single Skiff Masculino, prova com maior número de participantes (39), além dos vencedores das oito baterias – Augusto Scheffer e William Giaretton, do União; Ailson Eráclito, Anderson Nocetti, Diego Nazário e Emanuel Borges, do Botafogo; Gabriel Moraes, Corinthians;  e Thiago Carvalho, Flamengo – os segundos colocados também passaram às quartas de final, a serem disputadas a partir das 10h30 desta quinta-feira.

A Seletiva segue até sábado, quando ocorrem as Finais. No domingo, os melhores em cada prova serão agrupados por categoria para a disputa do Campeonato Brasileiro de Barcos Curtos. Mas os vencedores não têm passagem garantida para as competições mundo afora. Em abril será feita uma avaliação interna, na qual os barcos selecionados agora competirão entre si pelas vagas disponíveis. Além do confronto direto, será preciso atingir os índices de referência internacional para carimbar o passaporte.

“Isso não quer dizer que uma guarnição que não atinja o índice está fora dos planos, ou que uma convocada esteja garantida. Todas terão de melhorar sempre, num processo de aperfeiçoamento contínuo”, afirma Júlio.

Com a torre de árbitros parcialmente interditada, e tapumes cercando a área onde será construída uma nova para a Olimpíada, a Lagoa Rodrigo de Freitas vive dias de obras para o futuro, dentro e fora d’água.

Resultados Eliminatórias de quarta-feira (11/03)
Resultados Repescagens de quarta-feira (11/03)
Lista de partida de quinta-feira (12/03)

© Remo em Voga ®
Anúncios

Sobre remoemvoga

Notícias e vídeos sobre o remo brasileiro e competições internacionais
Esse post foi publicado em Remo Nacional e marcado , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s