Brasil vence Final C e fica em 13º no 4 Sem Peso Leve

4 Sem PL venceu a Final C em Lucerna (Foto: CBR)

4 Sem PL venceu a Final C em Lucerna
(Foto: ©Detlev Seyb/MyRowingPhoto.com)

O 4 Sem Peso Leve brasileiro venceu a Final C este sábado em Lucerna, na Suíça, e terminou a terceira e última etapa da Copa do Mundo de Remo em 13º lugar. Tiago Almeida, Marcos Oliveira, Célio Amorim, João Kubit completaram a prova em 6m10s93, menos de um segundo à frente dos japoneses (6m11s90), com mexicanos em terceiro (6m15s78) e canadenses em quarto (6m20s22). Os brasileiros estiveram em terceiro até os 1.500 metros, chegando à vitória com uma arrancada no final.

A guarnição traz na bagagem o único ponto do Brasil na temporada, conquistado com o sétimo lugar na etapa passada, em junho, na Inglaterra, que teve apenas oito barcos, contra 16 inscritos na Suíça. O aumento de concorrentes contribuiu para derrubar também a classificação dos outros barcos brasileiros. Décimo-primeiro em Eton, Roque Zimmermann e Ronald Brito ficaram em 16º no geral do Double Skiff PL. Eles fecharam a Final C em quarto lugar (6m41s71), atrás de russos (6m33s60), mexicanos (6m33s61) e argentinos (6m39s48). Diego Nazário e Aílson Eráclito não competiram, novamente por problemas médicos com Ailson, afastado das semifinais do Single Skiff PL em Eton.

Com mais quatro rivais em relação à etapa anterior, a campeã Sul-Americana Bianca Miarka caiu de 12º para 17º lugar no geral do Single Skiff feminino. Ela ficou em quinto na Final C, com o tempo de 8m03s22, atrás da paraguaia Rocio Rivarola Trappe (8m00s09).

Os primeiros a se despedirem de Lucerna foram os únicos que não estiveram em Eton: Allan Bitencourt, Leandro Tozzo, Anderson Nocetti e Pedro Henrique Drummond terminaram em quinto (6m22s10) na manhã de sexta-feira, e em quarto (6m18s87) na repescagem, à tarde, a menos de quatro segundos dos noruegueses (6m15s01) e da vaga para a semifinal. Com apenas 13 barcos inscritos, não houve Final C.

A última etapa da Copa do Mundo, que termina este domingo, reuniu 648 remadores em 268 guarnições de 43 países, 240 atletas a mais que na Inglaterra, em junho, quando 40 países competiram em 197 barcos. A competição é disputada anualmente desde 1997, com as equipes nacionais acumulando de um a oito pontos (do sétimo ao primeiro lugar) em cada prova. Após duas das três etapas desta temporada, a Grã-Bretanha lidera com 140 pontos, seguida de Austrália, com 99 e Nova Zelândia com 97.

Confira os resultados da 3ª Etapa da Copa do Mundo

 © Remo em Voga ®
Anúncios

Sobre remoemvoga

Notícias e vídeos sobre o remo brasileiro e competições internacionais
Esse post foi publicado em Remo Internacional e marcado , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s