‘Velha guarda’ vence o tempo no Brasileiro Máster de Remo

Lago Paranoá recebe o Brasileiro Máster de Remo (Foto: Divulgação)

Lago Paranoá recebe o Brasileiro Máster de Remo
(Foto: Divulgação)

Remar não tem idade. Que o diga Odilon Martins, de 85 anos, inscrito em seis provas do Campeonato Brasileiro Máster de Remo, disputado este fim de semana em Brasília. Nascido em março de 1929, ele é o mais velho dos quase 300 participantes da competição, que reúne atletas acima de 27 anos divididos em dez categorias. São mais de 100 baterias de 1.000 metros em dois dias de provas, masculinas, femininas e mistas, em todas as classes de barcos.

Remando pela Armasc (Associação de Remadores Máster de Santa Catarina), “seu” Odilon está inscrito em duas provas de Single Skiff Peso Leve, duas no Double Skiff, uma no Four Skiff e como timoneiro no Oito Com D (cuja média de idade é de 50 anos, excluído o timoneiro). Além dele, há  pelo menos outros quatro octogenários na lista de atletas: José Ribeiro (Amares) e Marlene Mattos (Corinthians), de 80 anos; Roberto Tavares (Corinthians), de 82; e Plínio Bing (GNU), de 83.

Quase um terço dos inscritos na competição tem menos da metade da idade de “seu” Odilon. Eles estão distribuídos nas categorias A (de 27 a 35 anos) e B (de 36 a 42), com mais de 50 inscritos em cada uma. Nas disputas com mais de um remador por barco, é considerada a média etária da guarnição, o que permite a um mesmo atleta participar de provas de diferentes categorias.

É o caso da sul-africana Colleen Orsmond, de 41 anos, responsável pela competição de remo dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016. Com participação em seis campeonatos mundiais e duas Olimpíadas, com um 5º lugar no Dois Sem em Sydney 2000, ela está inscrita em duas guarnições de Oito Com Feminino do Flamengo, nas categorias B e C.

A principal prova do programa, uma disputa de Oito Com D Masculino (média de 50 anos), o “Desafio da República” teve de ser dividido em duas baterias, diante da quantidade de barcos inscritos. A primeira será às 8h30 deste domingo, com Remo (PA), Corinthians (SP), Amares (ES), Flamengo (RJ) e CNB (DF). A segunda, às 12h10, fechará a competição no Lago Paranoá, com Armasc (SC), Álvares Cabral (ES), CNB (DF), Vasco (RJ) e uma guarnição de atletas de Pernambuco (Náutico e Sport) e do Rio Grande do Norte (Potengy e União).

Com mais de 60 inscritos, os clubes do Rio são os que têm o maior número de atletas no campeonato, com representantes de Botafogo, Flamengo, Guanabara, Piraquê e Vasco. No caso de guarnições com remadores de diferentes agremiações, a classificação conta para aquela que inscrever o barco na prova. O clube com mais vitórias será declarado campeão, com as posições subsequentes como critério de desempate. Os três primeiros de cada prova recebem medalhas, mas todos saem vitoriosos na corrida contra o tempo.

Categorias Máster:
A. idade mínima de 27 anos;
B. média de 36 anos ou mais;
C. média de 43 anos ou mais;
D. média de 50 anos ou mais;
E. média de 55 anos ou mais;
F. média de 60 anos ou mais;
G. média de 65 anos ou mais;
H. média de 70 anos ou mais;
I. média de 75 anos ou mais;
J. média de 80 anos ou mais.

 

© Remo em Voga ®
Anúncios

Sobre remoemvoga

Notícias e vídeos sobre o remo brasileiro e competições internacionais
Esse post foi publicado em Remo Nacional e marcado , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s