Finais do Brasileiro valem medalhas e Bolsa Atleta

Uncas Tales: destaque alvinegro no Single Skiff (Foto: Eliane Geral/Facebook)

Uncas Tales: destaque do Botafogo no Single Skiff
(Foto: Eliane Geral/Facebook)

Agora é pra valer. Remadores de 15 clubes de seis estados e Brasília entram na Raia da USP este sábado em busca de medalhas no Campeonato Brasileiro Sênior de Remo, em São Paulo. Após dois dias de eliminatórias e repescagens, com polêmica fora d’água pelo cancelamento de provas, os melhores remadores do país disputam nove finais (três femininas e seis masculinas), a partir das 9h30. Os três primeiros ganham também direito a pleitear Bolsa Atleta em 2015.

Campeão em 2013, o Botafogo é o clube com mais barcos: 12 em oito provas, quatro delas com duas guarnições (Double Skiff Aberta, Dois Sem Sub-23 e Quatro Sem Peso-Leve masculinos e Single Skiff PL Feminino). O alvinegro só não disputa o Dois Sem Peso-Leve Masculino, que terá Flamengo, Álvares Cabral (ES), Martinelli (SC), ASBAC (DF) e uma guarnição da Federação do Rio (FRERJ) e outra da Bahia (FCRB).

O Flamengo também disputa oito finais, de fora apenas no Double Skiff Masculino, que terá, além dos dois barcos alvinegros, guarnições de Pinheiros (SP), Clube do Remo (PA), e os cariocas Vasco e Loureiro. Apenas duas provas não terão raia cheia: o Quatro Sem Peso-Leve Masculino, com Corinthians, Flamengo e dois barcos do Botafogo; e o Dois Sem Sub-23 Feminino, com Botafogo, Flamengo, Paulistano e União (RS).

Os gaúchos têm quatro barcos em três finais, com duas guarnições no Dois Sem Masculino Sub-23, contra Flamengo, Pinheiros e Botafogo (2). Terceiro lugar ano passado, o União disputa medalhas este sábado também no Single Skiff Peso-Leve Masculino e no Dois Sem Sub-23 Feminino.

Entre os anfitriões paulistas, o Pinheiros está presente em cinco finais, com Corinthians e Paulistano em uma cada. Os capixabas estão em quatro (três com Saldanha da Gama e uma com  Álvares Cabral), e os paraenses em três (com três guarnições da Tuna Luso e duas do Clube do Remo). A ASBAC, de Brasília, também disputa três finais, enquanto Vasco e  Loureiro e a FRERJ estão em uma cada, assim como o São Salvador e a Federação da Bahia.

Além das medalhas, o pódio no Campeonato Brasileiro dá direito aos atletas de pleitearem receber Bolsa Atleta no próximo ano, por se tratar do “evento máximo nacional organizado e indicado pela Entidade Nacional de Administração de sua modalidade”, conforme define o site do Ministério do Esporte. A bolsa na categoria nacional é de R$ 925 por mês, que têm sido pagos em intervalos irregulares nos últimos três anos, segundo os beneficiários.

 

Lista de partida de sábado (27/9)

Resultados das eliminatórias de sexta-feira (26/9)

Resultados das repescagem de sexta-feira (26/9)

 

© Remo em Voga ®
Anúncios

Sobre remoemvoga

Notícias e vídeos sobre o remo brasileiro e competições internacionais
Esse post foi publicado em Remo Nacional e marcado , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s