Brasil ganha ouro e bronze no 1º dia em Bled

Fabiana: Ouro na Regata Internacional de Bled (Foto: Divulgação/Facebook)

Fabiana: Ouro na Regata Internacional de Bled
(Foto: Divulgação/Facebook)

Fabiana Beltrame gosta de vencer em Bled. No lago da conquista do título Mundial em 2011, ela ganhou mais um ouro esta sexta-feira, ao dominar de ponta a ponta a prova do Single Skiff Peso-Leve Feminino, na Regata Internacional que serviu de aquecimento para a 1ª Etapa da Copa do Mundo de Remo, este fim de semana, na Eslovênia. Ela cruzou os 2.000 metros em 7m49s33, mais de 5 segundos à frente da chinesa Shuai Guo (7m54s59), segunda colocada.

Além de Fabiana, o Brasil subiu ao pódio também com Steve Hiestand, bronze no Single Skiff Masculino, com o tempo de 7m07s27. A prova foi vencida pelo cubano Angel Fournier (07m02s34), com o suíço Markus Kessler em segundo (7m05s60). Apesar do resultado, Steve, que mora na Suíça, não está inscrito na Copa do Mundo, por não ter atingido 93% do índice de referência estabelecido pela Comissão Técnica da CBR na Qualificação Interna em abril, no Rio de Janeiro.

Assim como Fabiana e Steve, Aílson Eráclito também venceu sua eliminatória na manhã desta sexta-feira para chegar à Final A do Single Skiff Peso-Leve, na qual ficou em sexto (7m24s95). Seu parceiro no Double Skiff na Copa do Mundo, Thiago Pereira ficou em quarto na primeira eliminatória da mesma prova, e despediu-se também em quarto lugar na Final B (7m26s90).

Diego Nazário e Emanuel Borges ficaram em terceiro na eliminatória do Double Skiff PL, e terminaram sua participação na Regata Internacional com o segundo lugar (6m38s88) na Final B. Os dois voltam a remar este sábado, às 10h20 (5h20 de Brasília), na primeira eliminatória da prova na Copa do Mundo. Aílson e Thiago estão na última bateria, às 10h35 (5h35). Em ambas, os três primeiros passam às semifinais, à tarde.

Fabiana e a chinesa Shuai Guo se reencontram este sábado, às 10h10 (5h10 de Brasília), na primeira eliminatória do Single Skiff Peso-Leve Feminino, com barcos da República Tcheca (dois), Chile e Letônia. As três primeiras se classificam para a Final A da prova, que integra o programa da Copa do Mundo, mas não conta pontos para a competição.

A Copa do Mundo de Remo é uma competição anual disputada desde 1997, com os barcos nacionais acumulando de um a oito pontos (do sétimo ao primeiro lugar) em cada prova das três etapas. Em 2014 a Nova Zelândia conquistou o título após cinco anos entre os três primeiros, numa prova da evolução do esporte no país, que dominou também os Mundiais Sênior e Sub-23. Na primeira etapa deste ano, a competição reúne mais de 400 atletas de 34 países em quase 200 barcos.

Com o ouro de Fabiana e o bronze de Steve, o Brasil terminou a Regata Internacional em sétimo lugar, à frente de Cuba, Espanha, Eslováquia (um ouro), Chile (uma prata e um bronze) e Portugal (uma prata). A Alemanha liderou o quadro de medalhas, com 3 ouros, 1 prata e 2 bronzes. A China foi o país que mais subiu ao pódio: 13 vezes (2 ouros, 6 pratas e 5 bronzes). Foram disputadas 16 provas, sendo 10 masculinas e 6 femininas

Resultados da Regata Internacional (sexta-feira)

Quadro de Medalhas Regata Internacional

Site oficial da Copa do Mundo

Lista de Partidas da Copa do Mundo (sábado)

© Remo em Voga ®
Anúncios

Sobre remoemvoga

Notícias e vídeos sobre o remo brasileiro e competições internacionais
Esse post foi publicado em Remo Internacional e marcado , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s