Fabiana rema por mais uma medalha na Copa do Mundo

Fabiana rema por medalha este domingo (Foto: Igor Meijer/FISA)

Fabiana rema por medalha este domingo
(Foto: Igor Meijer/FISA)

O Brasil ficou a quatro centésimos de segundo de disputar medalha em duas finais da Copa do Mundo este domingo em Bled, na Eslovênia. Com Fabiana Beltrame classificada em primeiro em sua eliminatória, este sábado, Aílson Eráclito e Thiago Pereira estiveram muito perto da vaga no Double Skiff PL Masculino. Após cruzarem a primeira metade da semifinal em segundo, eles chegaram a liderar a prova na entrada do último quarto, mas foram superados nos metros finais pelos barcos de Portugal (6m29s69), República Tcheca (6m29s82) e Suíça (6m29s99), terminando com o tempo de 6m30s03.

Mais cedo, Fabiana não teve dificuldades para garantir a vaga na Final A do Single Skiff Peso-Leve Feminino, às 11h12 (6h12 de Brasília) deste domingo. Ela liderou de ponta a ponta a primeira eliminatória e venceu com o tempo de 7m47s91, superando novamente a chinesa Shuai Guo (7m49s63), prata na Regata Internacional vencida pela brasileira na véspera. A terceira vaga ficou com a tcheca Tereza Kocianova (7m52s01).

Bronze na competição preparatória, a também chinesa Jing Liu classificou-se em segundo (7m52s35) na eliminatória vencida pela polonesa Joanna Dorociak (7m49s76), que não competiu na sexta-feira – assim como Kocianova e a austríaca Stefanie Borzacchini (7m57s41), também classificada em terceiro.

Campeã Mundial no Lago Bled em 2011, a catarinense de 33 anos busca sua quinta medalha em etapas da Copa do Mundo, já tendo conquistado dois ouros (2011 e 2013) e dois bronzes (2010 e 2013). Mas apesar de integrar o programa oficial, o Single Skiff Peso-Leve não conta pontos para a competição por não ser prova Olímpica, o que força a brasileira a buscar opções para participar dos Jogos Rio 2016.

Mesmo não disputando medalha, Ailson e Thiago ainda podem garantir um ponto para o Brasil na Copa do Mundo, caso vençam a Final B, às 9h50 (4h50 de Brasília) deste domingo. Classificados em terceiro na eliminatória (6m34s31), eles fizeram o melhor tempo entre os que não passaram nas semifinais, e enfrentam barcos de Chile, República Tcheca, Turquia, Hungria e China. A outra dupla brasileira, formada por Diego Nazário e Emanuel Borges, ficou em quarto na eliminatória (6m37s36) e não avançou.

A Copa do Mundo de Remo é uma competição anual disputada desde 1997, com os barcos nacionais acumulando de um a oito pontos (do sétimo ao primeiro lugar) em cada prova das três etapas. Ano passado a Nova Zelândia conquistou o título após cinco anos entre os três primeiros, numa prova da evolução do esporte no país, que dominou também os Mundiais Sênior e Sub-23 na mesma temporada.

A última vez em que o Brasil pontuou na competição foi em 2013, com a vitória de Célio Amorim, João Kubit, Tiago Almeida e Marcos Oliveira no duelo com os egípcios pelo sétimo lugar no 4 Sem Peso-Leve Masculino.

Site oficial (provas em tempo real)

Resultados de eliminatórias e semifinais (sábado)

Lista de Partida das Finais (domingo)

© Remo em Voga ®
Anúncios

Sobre remoemvoga

Notícias e vídeos sobre o remo brasileiro e competições internacionais
Esse post foi publicado em Remo Internacional e marcado , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s