Uncas rema por vaga histórica na Alemanha

(clique para ampliar)

Classificação nas quartas de final do Single Skiff (clique para ampliar)

Uncas Tales tenta quebrar um jejum de 27 anos do remo brasileiro, este sábado, na Alemanha. Ele disputa uma vaga na Final A do Single Skiff no Campeonato Mundial Júnior, às 12h49 (7h49 de Brasília), no mesmo país em que o Brasil chegou pela última vez entre os seis primeiros na competição masculina, com Cleber Ferraz, Alexandre Buckton e Carlos Sobrinho (timoneiro) no Dois Com, em 1987.

O remador do Botafogo conquistou a vaga na semifinal A/B com o terceiro lugar na última das quartas de final desta sexta-feira, em 7m17s49. Ele manteve a posição desde o início da prova e chegou à metade do percurso mais de 3s à frente do lituano Daniel Liin, que terminou em quarto (7m24s94). Com o melhor tempo na terceira parcial, o brasileiro cruzou a marca dos 1.500 metros em segundo, pouco à frente do russo Andrey Potapkin, que recuperou a posição (7m16s39), atrás do sul-africano Daniel Watkins (7m14s18).

Uncas e Potapkin voltam a se enfrentar este sábado, na semifinal que terá o alemão Tim Naske, ouro no Double Skiff ano passado e dono do melhor tempo da prova em Hamburgo, com 7m07s07 nas quartas de final – o único a remar abaixo de 7m10. Além do russo, o campeão pan-americano vai reencontrar também o canadense Daniel de Groot, que o venceu na estreia, quarta-feira, com mais de seis segundos de vantagem, e voltou a ganhar sua bateria nas quartas de final, em 7m15s19.

A raia terá ainda o australiano Thomas Schramko, o terceiro mais rápido nas quartas (7m10s85), a 15 centésimos do americano Benjamin Davison. O tunisiano Mohamed Taieb é o único dos rivais a ter feito tempo acima do de Uncas nas quartas (7m18s74).  Na segunda semifinal, Davison e Watkins enfrentam o suíço Jacob Blankenberger (7m11s03) – superado por Uncas na estreia –, o francês Maxime Ducret (7m14s39), o búlgaro Rangel Katsarski (7m15s29) e o lituano Matas Lukosevicius (7m18s22).

Na outra prova com brasileiros, os gaúchos  Alef Fontoura e David Boeira ficaram em sexto nas quartas de final do Dois Sem (7m13s13). A dupla do União cruzou metade da prova em quinto, mas foi ultrapassada pelos americanos, que terminaram em 7m11s18, atrás de Grécia (6m56s25), França (6m56s56), África do Sul (7m01s57) e Itália (7m08s95). Eles voltam a remar na semifinal C/D, às 9h05 (4h05) de sábado, contra lituanos, italianos, chilenos, búlgaros e croatas.

Mineiro de Belo Horizonte, Uncas chegou na Alemanha uma semana antes da competição, após ficar em 11º no Mundial Sub-23, na Itália. Ele segue a trajetória da carioca Beatriz Cardoso ano passado, quando a atleta do Flamengo ficou em 14º lugar no Sub-23 e terminou em quinto no Single Skiff Feminino, repetindo a posição de Ricardo Carvalho e Carlos Hime no Dois Sem masculino, em 1979, em Moscou, o melhor resultado do país.

 

Site oficial do Campeonato Mundial Júnior

 

© Remo em Voga ®
Anúncios

Sobre remoemvoga

Notícias e vídeos sobre o remo brasileiro e competições internacionais
Esse post foi publicado em Remo Internacional e marcado , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s