Brasil se despede do Mundial Sub-23 em duas Finais B

Victor e Vinícius: 4º na semifinal do Dois Sem (Foto: CBR/Divulgação)

Victor e Vinícius: 4º na semifinal do Dois Sem
(Foto: CBR/Divulgação)

O Brasil ficou a pouco menos de 12 segundos de voltar a disputar uma Final A no Campeonato Mundial Sub-23 de Remo. Esse foi o tempo que separou Vinícius Delazeri e Victor Ruzicki do terceiro lugar na semifinal do Dois Sem Masculino, este sábado, em Plovdiv, na Bulgária. Caroline Corado e Sophia Câmara também não se classificaram no Double Skiff Peso-Leve Feminino, ficando em sexto lugar na semifinal. Os dois barcos se despedem na Final B de suas provas, este domingo.

Após cruzarem os primeiros 500 metros em quinto lugar, Vinícius e Victor assumiram a quarta posição antes da metade da prova, mas não conseguiram reduzir a distância para o barco alemão, classificado em terceiro (6m43s94), atrás de romenos (6m40s61) e sérvios (6m42s01). Os brasileiros completaram o percurso de 2.000 metros em 6m55s51, superando as guarnições de Hungria (7m03s19) e Moldávia (7m07s49). Foi o terceiro melhor tempo entre os que disputam a Final B, às 9h10 deste domingo (3h10 no horário de Brasília).

No Double Skiff Peso-Leve Feminino, Caroline e Sophia ficaram a 22 segundos da vaga, em sexto lugar, com o tempo de 7m37s50. Sua semifinal foi vencida pela dupla da Nova Zelândia (7m05s58), composta por Jackie Kiddle e Zoe McBride, a revelação de 19 anos que em junho fez o melhor tempo do mundo no  Single Skiff PL e derrotou Fabiana Beltrame na final da 2ª Etapa da Copa do Mundo, em Varese. Suíça (7m10s59) e Itália (7m15s56) conquistaram as outras  vagas, à frente de Austrália (7m17s59) e Canadá (7m22s82). A Final B será às 9h30 (3h30).

No Dois Sem Peso-Leve Masculino, David Faria e Guilherme Gomes se despediram da competição com 14º lugar geral (6m58s22), superados pelos noruegueses (6m54s52) na Final C, também neste sábado. A última vez que o Brasil chegou a uma Final A do Mundial Sub-23 foi em 2010, quando Ailson Eráclito conquistou o bronze no Single Skiff, sua segunda medalha na competição – fora prata no ano anterior.

Os brasileiros são todos estreantes no Mundial Sub-23 e ainda poderão disputá-lo pelo menos mais duas vezes. Vice-campeã sul-americana da categoria no Single Skiff Peso-Leve, em abril, Sophia é a única nascida em 1996, tendo feito 19 anos em março. Os outros são de 1995, faltando apenas Victor completar 20 anos, em agosto. Os seis seguiram para Plovdiv direto dos Jogos Pan-Americanos, no Canadá, onde o Brasil conquistou apenas uma medalha de prata, com Fabiana Beltrame.

Resultados de sábado
Lista de partida de domingo
Site oficial

Confira todas as participações do Brasil no Mundial Sub-23

 

© Remo em Voga ®
Anúncios

Sobre remoemvoga

Notícias e vídeos sobre o remo brasileiro e competições internacionais
Esse post foi publicado em Remo Internacional e marcado , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s